Ano 16 - Semana 826



 



 

      08 de fevereiro, 2013
---

Mel


Não compre melado por mel:

O mel verdadeiro é opaco.
O mel falsificado geralmente é transparente.

O mel verdadeiro cristaliza transformando-se numa pasta macia, uniforme e com inúmeros e pequeninos grânulos.
O mel falsificado endurece, fica uma pedra de açúcar desigual, aspecto arenoso e odor enjoativo.

O mel não pode ser submetido á temperatura acima de 70ºC porque as enzimas serão destruídas e o produto perde suas propriedades.


Tipos de mel:

O mel é classificado segundo a Florada. Isto é, das espécies de flores das quais as abelhas retiram o néctar.

Silvestre:
É o mel dos campos e matas, do néctar de diversas flores. Tônico, peitoral, fortificante, embelezador. Contra reumatismo e artritismo.

Laranjeira ( e outros cítricos ):

Regulador dos intestinos, tranqüilizante, sedativo natural, contra insônia, revigorante da pele.

Eucalipto:
Peitoral, expectorante, contra bronquite e asma, desinfeta e dilata os brônquios, combate tosse, gripe, resfriados e efeitos da poluição.

Trigo Sarraceno:
Fortificante. Rico em cálcio e ferro. Contra anemia, acidez estomacal. Bom para o baço e coluna. É alcalino.

Girassol:
Riquíssimo em fósforo. Excelente para o cérebro. Indicado para os estudantes e pessoas cujo trabalho exige esforço intelectual.

Assapeixe (pau-de-ferro):
Tônico e depurativo do sangue. Ligeiramente diurético, agindo nas vias urinárias. Contra cálculos renais.

Cana-de-açúcar:
Fortificante, anti-anêmico, anti-raquitismo. Contra reumatismos e artritismo. Excelente para crianças e pessoas de idade avançada.

Cambará:
Indicado para tosses, coqueluches e pessoas com úlceras gástricas.

Cipó-uva:
Desintoxicante do fígado, estimulante da secreção biliar, combate os efeitos do álcool. Ótimo para tratamento da hepatite.

Bracatinga:

Excelente para problemas de fígado e vesícula. Vermífugo estimulante digestivo e indicado para problemas circulatórios.

Fonte: Arte na Cozinha

 

 




Direção e Editoria - Irene Serra