Leon F. Szkalarowsky
   

BRASÍLIA E A COMUNIDADE JUDAICA
    

Brasília ostenta uma comunidade que tem sua representação máxima, na ASSOCIAÇÃO CULTURAL ISRAELITA DE BRASÍLIA - ACIB, que se confunde em grande parte com o judaísmo de Brasília e marca sua presença, nesta Capital.

A ACIB tem uma pequena sede, conquanto ainda bastante precária. Fincada em construção inacabada, abaixo do nível do solo, iniciada, há mais de um quatro de século, apresenta, todavia, uma entrada triunfal, onde desponta, de longe, a MENORÁ, ladeada por duas colunatas deslumbrantes, fruto da iniciativa de SAMUEL GOLDNER, que, pela terceira vez, dirige com competência e discrição essa entidade.

Brasília conta, atualmente, com um cemitério comunal israelita, como já o têm, entre outros, os muçulmanos e os pioneiros, com áreas demarcadas, no Campo Santo, em consonância com os postulados constitucionais e a liberdade religiosa, fundamento maior do estado de direito e democrático.

Brasília tem ainda projeto arquitetônico, de autoria das abnegadas arquitetas BETINA KARNIOL e CLARA ASBUN, para a construção da sinagoga e reconstrução da sede da ACIB, prevendo dependências adequadas, para representações das entidades judaicas brasileiras e, por isso, mesmo, merece o apoio e a ajuda de todo ishuv e da CONIB, para sua concretização imediata.

A nova diretoria, recém eleita, com GOLDNER, na presidência, reiniciou, com muito sucesso, as atividades, prosseguindo com os almoços mensais, aos domingos, com comida idish, muito apreciada, por sua variedade, aulas de judaísmo, às quintas feiras, sob a direção do Rabino Simonovits, que, com muita dedicação e esforço, tem sido o conselheiro e mestre de todos os dias.

Na festa de PURIM, realizada no último dia 11, os membros do Corpo Diplomático de Israel e o Rabino estiveram presentes, abrilhantando essa solenidade, que contou ainda com a presença maciça da coletividade e dos jovens, que representaram, com muita alegria, relembrando essa passagem bíblica.

A Embaixada e a ACIB vêm comemorando o jubileu de ouro da restauração da independência de Israel, com inúmeras e festivas realizações de âmbito cultural.

Brasília, afinal, por ser a capital do País, tem os olhos de todo o País e do mundo, voltados para ela.

 

Leon Freja Szkalarowsky
Vice - Presidente da Associação Cultural Israelita de Brasília




Editoria e Direção
IRENE SERRA
irene@riototal.com.br