15/10/2017
Ano 20 - Número 1.049

 

ARQUIVO SIMÕES

Francisco Simões
em Expressão Poética

Venha nos
visitar no Facebook

 

Francisco Simões

AMAR PELOS DOIS

Francisco Simões, colunista - CooJornal



O título acima é exatamente o nome da linda canção que neste ano de 2017 venceu o concurso anual da Eurovisão da canção na Europa. Foi a primeira vez que Portugal alcançou este posto derrotando todos os concorrentes europeus com a canção composta por Luiza Sobral, irmã do intérprete. Este ano o evento foi realizado na cidade de Kiew, na Ucrânia.

Cantando e muito bem a linda canção o jovem Salvador Sobral, de apenas 26 anos, um amante do jazz e da boa música em geral, chegou à pontuação máxima, ou seja, 758 pontos, na votação combinada dos júris nacionais e do público. A mais alta pontuação de sempre num Festival da Eurovisão. O jovem intérprete alcançou assim o galardão maior como disse um jornalista, “sem confete nem fanfarras”.

Aliás, Salvador Sobral não é chegado, digamos, ao mundo do espetáculo. Já ouvi muitas vezes em diversas apresentações esta música cantada tanto por Salvador Sobral como por ele junto com sua irmã. Vale a pena, amigos e amigas. É linda demais, pelo menos ao meu gosto.

Como alguns amigos sabem eu sou muito emotivo, para alguns um defeito para outros uma virtude, sei lá. O fato é que não me importo e assim confesso que não consigo me conter quando ouço “Amar pelos Dois”, acabo sempre tendo que conviver com minhas lágrimas e garanto que tenho muitos motivos e bem fortes.

Parte dos referidos motivos têm a ver mesmo com minha vida, com tudo que tenho procurado superar e assim tentar ser feliz. Viver não é tão fácil e nem sempre construímos aquilo com o que sonhamos sem que a vida acabe por derrubar alguns de nossos planos. Viver é complicado sim.

Por outro lado quando ouço a referida canção “Amar pelos Dois” logo me vem à mente a situação do jovem cantor lusitano, o Salvador Sobral que tem há algum tempo uma deficiência em seu coração que nem sempre consegue bombear o sangue suficiente para ele viver naturalmente.

O mais triste é que ele depende para sobreviver de um transplante de coração que seja compatível e que seu organismo o aceite sem qualquer rejeição. Atualmente, pelo que sei, Salvador já foi colocado na cabeça da lista de transplantes em Portugal e a torcida a seu favor é imensa não só por lá como pelo mundo afora e com este velho escriba que acompanha como pode o estado dele.

Espero sinceramente que quando esta crônica for divulgada tudo já esteja resolvido e o jovem Salvador Sobral, de tanto talento, possa estar já contando com uma sobrevida com saúde e levar avante o seu sonho de uma realização magnífica como excelente cantor que é.

Assustei-me outro dia quando um amigo de Portugal, o Manuel Santos, enviou-me parte de uma revista na qual era dito que alguns de seus órgãos vitais estavam começando a se deteriorar o que poderia levar a uma não desejável falência múltipla de órgãos.

Depois ouvi um médico informar que dependendo de seu estado geral Salvador Sobral poderia mais tarde não ter nem condições de se submeter à cirurgia de transplante. Isto seria o pior que lhe poderia acontecer. Que Deus se apiede de Salvador. Afinal ele acabou sendo internado em um Hospital onde está monitorado creio que o tempo todo.
A letra me agrada por demais, todavia há um verso que me toca muito forte pelo que ele quer dizer, pelo que ele significa na vida de todos nós. Este é o verso... “Eu sei que não se ama sozinho”... Como é verdade, amigos e amigas, como é verdade mesmo. Quem já viveu muito pode eventualmente ter passado por esta situação. E como é triste, muito triste. Será que alguém consegue ser feliz assim?

Para encerrar esta minha narrativa eu os convido a ouvir no link abaixo o bravo Salvador Sobral e sua irmã, a autora da canção vencedora, interpretando a linda “Amar pelos Dois.” Entrem por aqui:
https://www.youtube.com/watch?v=lv76VVZJ5lc





__________________________________________

Comentários sobre o texto podem ser enviados ao autor, no email fm.simoes@terra.com.br

(15 de outubro, 2017)
CooJornal nº 1.049



Francisco Simões
escritor, poeta, fotógrafo (expositor), ex-radialista
Rio de Janeiro
Conheça um pouco mais de Francisco Simões
http://www.riototal.com.br/escritores-poetas/expoentes-021.htm
http://www.riototal.com.br/expressao-poetica/francisco_simoes.htm
www.francisco-simoes.com



Direitos Reservados
É proibida a reprodução deste artigo em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização do autor.