Josete Maria Vichineski


Meu nome é Josete Maria Vichineski. Nasci em Ponta Grossa, estado do Paraná, em 11 de outubro de 1957. Sou formada em Letras e Ciências Econômicas, pela UEPG, e pós-graduada em Língua Portuguesa, também pela UEPG ,e Educação de Jovens e Adultos Trabalhadores, pela UFPR.

Trabalho como professora efetiva na rede pública do estado do Paraná, com dois padrões. Apesar de sempre ter incentivado meus alunos, não só a criarem poesia, mas também divulgando seus trabalhos em murais, comecei a escrever e a publicar há pouco tempo. Exatamente em 28/02/01, na internet. De lá para cá não parei mais. Tenho mais de uma centena de poemas espalhados em diversos sites, nacionais e internacionais. Considero-me uma poetisa cibernética.



6 poemas de Josete Maria Vichineski:






 

O CALOR HUMANO

Afasta a solidão,
expulsa a aflição.

Dá-nos um novo alento,
dá à nossa vida mais encantamento.

Amplia a nossa possibilidade de ver
a lado bom de cada ser.

Possibilita-nos em nós acreditar,
faz-nos perceber que podemos ousar.

Aquece a nossa alma,
conforta-nos e acalma.

 

 

UM NOVO AMANHECER

No qual, em todos os países, os habitantes
possam levantar sem medo de guerras,
no qual, todos os governantes
não façam atrocidades como feras.

No qual, todo trabalhador
dirija-se ao seu local de trabalho,
e que todo empregador
não tenha o seu consciente falho.

No qual, toda criança
acorde para estudar, brincar e ser
o que lhe é de direito: criança.
E o que lhe é necessário possa ter.

Amanheça logo, a humanidade
já dormiu demais, urge acordar.
Já se passou uma eternidade,
e muita coisa precisa mudar.

 

 

AMOR, O QUE É?


É o pensamento em alguém, a cada instante.
É o sorriso constante, contagiante.

É o mais luminoso raio de sol.
É o mais belo arrebol.

É o arco-íris com as mais lindas cores.
É o jardim, com as mais perfumadas flores.

É o luar encantado, prateado.
É o coração arrebatado, ousado.

É a enorme paixão sentida.
É o maior êxtase da vida.

 

 

A MAGIA DA POESIA

É um ser angelical,
que me envolve, me acaricia.
Tira-me, com delicadeza, do baixo astral
e vai me devolvendo a energia.

A sua palavra é terna.
Conduz-me a um lugar encantador,
envolve-me, como uma entidade fraterna
e, pouco a pouco, afasta a minha dor.

Seu poder é mágico,
diz-me coisas maravilhosas.
Esqueço de tudo que é trágico,
penso apenas em coisas ditosas.

Com a poesia, esqueço da melancolia.
Sinto-me bem, neste lugar celestial,
onde não existe a agonia,
apenas uma imensa paz espiritual.

 

 

TRANSITÓRIA TRANSITORIEDADE



Transita a infância,
Transita a juventude,
Transitam os amores,
Transitam as dores,
Transitam os corruptores,
Transitam os educadores,
Transita a fome,
Transita a miséria,
Transita o meu, o teu, o nosso nome,
Transita a política séria,
Transita a riqueza,
Transita a beleza,
Transita a certeza:

A VIDA É TRANSITÓRIA!

 

 

CONSCIÊNCIA ECOLÓGICA

Desmatamentos, queimadas, erosão...
O homem pensa que a natureza consente,
que não tem emoção
e que nada sente.

Rios poluídos sendo condenados,
é a vida sendo arrastada à morte,
peixes inocentes sendo assassinados,
é a natureza entregue à própria sorte.

Ganância desmedida, poluição...
Já é fato muita calamidade,
que parece não causar comoção.
Em nome do lucro impera a irresponsabilidade.

Ainda há tempo do homem se conscientizar
de que da natureza ele também faz parte
e escolher entre com ela se salvar
ou de ambos decretar a morte.

emails josete@ieg.com.br e vichi2020@ig,com.br



 
   

 

Esta página é parte integrante da Revista Rio Total

 

Editoria e Direção
Irene Serra
irene@riototal.com.br