Arquivo de alguns poemas de
Fernando Tanajura


 

Abril, 2017
---



Fernando Tanajura

 

Nasceu em Nazaré das Farinhas, no Recôncavo Baiano. De lá saiu pelo mundo: Salvador, Rio de Janeiro, Washington, D.C. e Nova York foram lugares especiais para ele em que praticou a arte e a experiência de bem viver. Estudou, trabalhou, amou, viveu e escreveu sem parar. Descompromissado em se vincular a uma carreira literária, Fernando não frequentou nenhum curso de Literatura. Pelo contrário, cursou faculdade de Ciências Contábeis e de Administração de Empresas, profissões que exerceu ao longo de sua carreira de trabalho no Rio de Janeiro e em New York. Autodidata, Fernando Tanajura publicou os livros de poesia: Retratos (1990), Coisas do coração (1993), Cântico das rosas (1997), Dos beijos (1999) e Livro da Trovas (2016). Também escreveu a peça para teatro A vaca (1982) que lhe valeu o prêmio montagem pela Fundação Cultural do Estado da Bahia, encenada na Sala do Coro do Teatro Castro Alves (Salvador-BA) e a peça infantil O macaco astronauta (1998) encenada em espanhol, El mono astronauta, no teatro FEDEE, em Nova York. Constante colaborador de publicações de língua portuguesa em New York (NY), Newark (NJ) e Boston (MA), Fernando também é presença frequente nos sites de poesias da internet, especialmente Recanto das Letras e Usina de Letras.