Odete Ronchi Baltazar

 

Outubro, 2017
--


 



(Des)(com)passo




Estranho não te ver...
... mais estranho, não te procurar.
Desacostumei de buscar significados
nas tuas entrelinhas.
Despi a fantasia,
cortei as linhas
que me prendiam ao teu compasso.
E me sinto nua
leve e solta.
Agora posso dizer:
- Estou livre do teu abraço!

 


Odete Ronchi Baltazar


 




 

Aqui, conheça um pouco mais de Odete R. Baltazar.
E leia suas crônicas no CooJornal, clicando aqui.
odeterb@gmail.com