Ana  Lima
 

Quartos de criança


Preparar um quarto para a chegada de um novo membro da família é um imenso prazer para mamães, papais, vovôs e vovós. Contudo, em tempos de crise é importante prestar atenção em certos detalhes que podem “prolongar” a vida do quarto da criança. Aqui estão algumas dicas simples e objetivas que podem ajudar você a combinar qualidade, beleza e economia no quarto de seus filhos. Veja só:

Nas paredes, procure optar por cores claras ou neutras, que combinem facilmente com móveis e enfeites. Se optar por um papel de parede, que seja discreto e lavável. Um quarto muito colorido pode ser bonito nos primeiros meses, depois certamente vai cansar a criança e os pais também. Deixe as extravagâncias para coisas que possam ser trocadas com mais facilidade, como bichos de pelúcia, enfeites e móbiles.

O piso deve ser fácil para limpar. Lembre-se que os pequenos no início, podem regurgitar o leite e mais tarde ficam aptos com os lápis coloridos e tintas, prontos para pintar o sete no quarto. O piso vinílico de cor clara,  por exemplo, pode ser uma boa e higiênica opção. Se quiser optar por algo mais durável temos os pisos plásticos que imitam madeira de diversas tonalidades.

O berço, de preferência, deve ter a opção de transformar-se em cama porque quando o bebê passar dos dois anos já será difícil contê-lo. Assim, mesmo que a princípio você gaste mais, economiza depois.  Detalhe: procure colocá-lo longe da janela, para evitar as correntes de ar.

O móbile estimula a percepção da criança e é um lindo enfeite para o quarto. Escolha com carinho o mais bonito, com a melodia de sua preferência. Preste atenção se o móbile tem o selo do INMETRO, respeitando as normas de segurança determinadas para cada idade.

Certamente seu bebê vai ganhar muitos presentes, pequenos (e grandes!) enfeites, bichos de pelúcia, etc. Prepare-se com estantes e baús para guardar os futuros brinquedos também. Cuidado com os bichinhos de pelúcia que podem trazer problemas se a criança for alérgica ou tiver problemas respiratórios.

O armário para as roupinhas pode ser modulado, permitindo que no futuro, quando a criança estiver maior seja possível aumentar o guarda-roupas com um novo módulo.

Muita atenção para o trocador de fraldas. Se for muito apertado e estreito, logo, logo você terá dificuldades em trocar as fraldas e roupas do neném. Algumas estantes e banheiras vêm com trocadores de um tamanho bastante satisfatório.

Assim que o bebê começar a engatinhar providencie um tapete de espuma, aqueles quadrados com letras e bichinhos. Eles amortecem as quedas, que certamente acontecerão muitas vezes, e são fáceis de limpar. As cores, figuras e números também estimulam a inteligência e percepção da criança.

A iluminação é fundamental no quarto do bebê, suave e aconchegante, ela pode acalmar e até ajudar no sono dos mais agitados. Os interruptores XXX são ideais para as noites mal dormidas.

Decore o quarto de maneira inteligente e flexível , assim conforme ele for crescendo é possível criar novos e descontraídos ambientes para o seu quarto.


 
Ana Lima é jornalista 
analimaf@terra.com.br
    

 

Esta página é parte integrante da Revista Rio Total