O envelhecimento da pele


Sendo um fenômeno fisiológico, o envelhecimento da pele não pode ser evitado, porém medidas gerais podem retardá-lo e atenuá-lo.

Seu início varia conforme a predisposição individual, o grau de exposição às radiações solares, aos fatores ambientais danosos, como vento, frio excessivo e atmosferas poluídas.

Chamamos o envelhecimento de atrofia senil. Este processo caracteriza-se pela diminuição das funções glandulares, portanto a produção das glândulas sebáceas e sudoríparas reduz consideravelmente sua atividade.

A irrigação sanguínea nas regiões periféricas do corpo torna-se deficiente e a pele, em conseqüência, perde sua luminosidade e tonalidade rosada.

A elasticidade também é afetada, pois as fibras elásticas e outros componentes do tecido conjuntivo têm sua produção diminuída.

Com o passar do tempo a hidratação das camadas inferiores da pele torna-se insuficiente, o uso constante de sabões e detergentes acabam por remover o manto hidro-lipídico natural que protege a pele.

A descamação e o ressecamento se instalam impiedosamente, podem aparecer diferenças de pigmentação e o surgimento de manchas e sardas.

Fatores psicológicos e emocionais podem ligar o envelhecimento à sensação de abandono e inadequação ao ambiente social, levando ao descuido pessoal.

A informação adequada quanto à nutrição, respiração, exercícios simples e condutas de cuidado diário com a pele garantem qualidade na aparência, mostrando o envelhecimento como expressão da experiência humana, não como um fardo inevitável.

Tirando proveito do seu relógio biológico

Cronobioatividade, o que significa isso?

Nosso organismo trabalha diferentemente nas diversas horas do dia. A cronobiologia é a ciência que estuda o relógio biológico do nosso corpo e explica porque isso acontece. Você pode aproveitar melhor sua energia se souber quais são as horas mais indicadas para relaxar e estar em movimento. Você já percebeu que, dependendo da hora do dia, tem mais disposição para fazer um tipo de coisa?

Assim, ao acordarmos acontece a liberação das toxinas retidas no corpo e liberadas pelo rim através da urina.
Na parte da manhã a atividade intelectual é maximizada, depois do almoço um estado de entorpecimento toma conta de nosso humor, já no final da tarde temos pique para fazer de tudo. Quando a noite cai é hora de repouso.

Veja a indicação abaixo para maximizar os resultados no seu dia:

7:00 - Fazer exercícios de relaxamento, como o tai chi, ajuda a diminuir a tensão para o resto do dia.

9:00 - O ritmo das funções intelectuais fica acelerado. Melhor momento para estudar música, línguas ou escrever.

13:00 - Diminui a atenção e chega o cansaço mental. É a hora de dar uma volta.

17:00 - A atenção e concentração atingem seu maior pico, planeje o que vai fazer no dia seguinte e depois deixe as preocupações de lado.

19:00 - O corpo está mais receptivo a todo tipo de energia. Melhor hora para fazer massagens.

22:00 - Os brônquios ficam menos dilatados. Exercícios de respiração e relaxamento são indicados nessa hora.


Fonte: Beleza Inteligente
  

 

Esta página é parte integrante da Revista Rio Total