A arte do banho


Há vários tipos de banho recomendados para diferentes ocasiões: os tomados pela manhã são geralmente revitalizantes, e os banhos da noite devem ser relaxantes. De vez em quando você pode tomar seu “banho de saúde”, escolhendo ervas, folhas, produtos caseiros ou ainda um simples sabonete medicinal. Aqui estão algumas dicas de banhos para cuidados específicos com o corpo e a mente. Lembre-se: relaxar é a regra número 1 para um bom banho!

Relaxante: Fazer uma infusão bem forte com muitas folhas de alface; jogue então dentro da banheira com água quente, deite aí, repousando por 15 minutos. Outra opção é um bom banho de espuma e óleos perfumados, acalma o espírito, distende o corpo e renova o bom humor.

Cansaço e reumatismo: Tempere o banho quente com ½ quilo de sal grosso. Cuidado apenas para não molhar do pescoço para cima, pois o sal pode escamar a pele mais delicada do rosto.

Celulite: Para combatê-la, usar luvas de crina e algas marinhas. Só funcionam aliadas a um importante ingrediente: persistência!

Depressão: Banho de mar ou então de água iodada.

Flacidez: Tomar banhos o mais frio que suportar, comer bastante gelatina. Persistência também ajuda nesse caso.

Insônia: Um banho morno por si só já ajuda a ter um sono mais tranqüilo. Será eficaz também se jogarmos dentro da banheira um chá bem forte de camomila ou juntar 500g de flor de tília. Repouse nele por 20 minutos e bons sonhos!

Pele oleosa: Esprema em seu banho alguns limões, verá como sairá com a pele macia.

Pele seca: Corte alguns tomates e jogue-os dentro da banheira com água bem quente. Espere alguns minutos e entre no banho.

Rejuvenescer: Misturar 100 g de alúmen com 500g de bicarbonato, jogar na água do banho e mergulhar nela.

Requinte: Como fazia Cleópatra, adoce a pele com um bom banho de leite. Encha a banheira com água morna e dissolva nela cerca de 20 colheres de sobremesa de leite em pó instantâneo. Relaxe e depois veja os resultados...     

 

Fonte: Nenzinha Machado Salles