Ano 10 - Semana 520
 

Má Oclusão Dentária

Um conjunto de alterações presentes no sistema mastigatório, chamado disfunção temporomandi-bular (DTM), pode ser a origem de 60% das dores de cabeça e dores oro-faciais.
“A DTM se caracteriza por muitos sinais e sintomas, nem sempre presentes simultaneamente em to-dos os pacientes, o principal deles é a dor. Dificuldades para abrir e/ou fechar a boca e mastigatórias; mordedu-ras de lábio, bochecha e língua; “bruxismo”; além de ruídos (estalos, crepi-tados, dentre outros) nas articulações temporoman-dibulares (ATM) próximas das orelhas, também podem se manifestar”, destaca Marcos Nadler Gribel, cirurgião-dentista.

 


 

   17 de março, 2007
 

ESPONDILITE ANQUILOSANTE

Jovens com queixas de dor nas costas devem buscar tratamento imediato



A dor nas costas, que é definida como toda condição de dor que afeta a coluna – tanto na região cervical, como na dorsal e lombar –, afeta cerca de 80% da população. Depois da artrite reumatóide, que registra seus maiores índices entre pessoas com mais de 60 anos, a espondilite anquilosante é uma doença reumática crônica extremamente limitante se não tratada a tempo. E é muito comum entre jovens adultos.

“O nome é estranho, mas a doença é comum. Acomete pessoas geralmente entre 20 e 40 anos, sendo entre três e cinco vezes mais freqüente nos homens”, diz a reumatologista Maria Cecília Anauate, do Hospital Santa Paula.

A médica diz que “a característica de dor lombar é o que determina a suspeita para o diagnóstico. Dor que atinge adultos jovens, dura mais de três meses, apresenta piora noturna, rigidez matinal e melhora com exercícios. Em quadros mais crônicos, pode haver comprometimento dos membros superiores e inferiores, com rigidez severa de todo o tronco”.

Segundo a especialista, outras manifestações, como febre baixa, perda de apetite e indisposição podem ocorrer. O diagnóstico preciso é predomimantemente composto pela história clínica, realização de raio-X e exames reumatológicos específicos. É fundamental o tratamento precoce da espondilite, a fim de controlar o processo inflamatório e suas limitações. “Hidroginástica e natação são exercícios que auxiliam no tratamento, ao lado da correção postural realizada sob supervisão de um fisioterapeuta.”


 

 


Se você é da área médica e quer publicar algum artigo, venha fazer parte da nossa equipe

 



Direção
IRENE SERRA
irene@riototalcombr