ÓRGÃO DO CONVENTO

II

“ONDE ESTÁ O TEU TESOURO, AÍ ESTARÁ TAMBÉM TEU CORAÇÃO”

Painel central abaixo dos tubos do órgão - ala esquerda

Um dia, quando Santo Antônio pregava em Florença, faleceu um homem rico, tão rico quanto avarento. Pensaram em solenizar as exéquias com a presença de Frei Antônio. Como tema do sermão tomou o santo a admoestação de Cristo: “Onde está o teu tesouro aí estará também teu coração” (Mt 6, 21). Referia-se ele ao fato da riqueza do usurário, assegurando: ide ver o cofre dele e encontrareis seu coração no meio do dinheiro. Os parentes do defunto foram ao cofre forte do avarento. Perplexos verificaram: não era ilusão, era pura verdade! Confirmando as palavras de Cristo, ditas por Santo Antônio, sobre os montes de moedas de ouro, lá palpitava um sangrento coração... 

Maria Arieta, ofs

 
 
     
  Rio Total